segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

DEVANEIOS

Do etéreo ar onde vivo
Esvoaçantes idéias
Vagueiam a minha frente
Assemelham a pirilampos
Néctares de luz
Espíritos idéias
Iluminam meus passos
Ondinas sílfides salamandras
Sonham enquanto dançam

................

Um comentário:

Gold disse...

Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!!!!